Domingo, 19 de Mai de 2024
Follow Us

Quinta, 11 Abril 2024 17:13

Efectivos da Polícia em Luanda voltam a invadir camponeses do 11 de Novembro

Um grupo de efectivos da Polícia Nacional afectos ao Comando Provincial de Luanda (CPL) e do Talatona, são acusados de “nova invasão” aos camponeses que defendem as suas parcelas de terras no 11 de Novembro, no Distrito Urbano da Cidade Universitária, no município do Talatona.

Os camponeses descreveram a este portal o drama que enfrentam no espaço. “Desde ontem, que estamos debaixo da violência da polícia do comandante provincial de Luanda, Francisco Ribas, depois de ter vendido os principais terrenos perto da estrada”, contaram.

Segundo consta a operação conta com o apoio do segundo comandante da Região Militar Luanda (RML), que destacou homens armados liderados por um sargento do exército conhecido no Comando do Cabo Ledo por “Mil”.

O porta-voz dos camponeses, Daniel Afonso Neto, disse que, diante da situação, contactou o segundo comandante provincial de Luanda da Polícia Nacional, que em resposta terá afirmado para não ser incomodado.

Contacto foi feito igualmente à comandante municipal de Talatona, que terá garantido o envio de uma equipa de inspecção no local para averiguar os factos reportados.

“Não passou de uma mentira, uma vez que, antes da sua nomeação, já esteve na máfia que só foi nomeada para dar sequência do processo de expropriação de terrenos”, denunciou o também tenente coronel das Forças Armadas Angolanas (FAA).

Rate this item
(1 Vote)