Quarta, 06 de Julho de 2022
Follow Us

Quinta, 28 Abril 2022 14:04

João Lourenço falou ao telefone com Putin e PM italiano visando “cessar-fogo imediato”

O Presidente angolano conversou hoje ao telefone com o homólogo russo, Vladimir Putin, e com o chefe do Governo italiano, Mario Draghi, visando um “cessar-fogo imediato e o regresso às conversações” face ao conflito na Ucrânia.

O Presidente russo informou esta quinta-feira o homólogo angolano, João Lourenço, sobre os objetivos da "operação militar especial para proteger Donbass" e sobre as negociações com a Ucrânia, ocasião em que foi assinalada a "relação amistosa" entre ambos os países.
Vladimir Putin falou hoje ao telefone com João Lourenço, por iniciativa do Presidente angolano, como relata o serviço de imprensa do Kremlin.

Segundo a agência russa RIA Novosti, a pedido de João Lourenço, o Presidente Putin "informou sobre as causas e objetivos da operação militar especial para proteger o Donbass e também fez avaliações fundamentais da situação das negociações com representantes ucranianos".

A "satisfação com o nível de relações amistosas alcançadas foi expressa por ambos os lados", indica a agência russa.

"Os compromissos com o seu desenvolvimento, incluindo a cooperação das esferas comercial, económica, científica e técnica" foram igualmente assinalados na convers, adianta.

O Presidente angolano conversou hoje ao telefone com o Presidente russo, Vladimir Putin, e com o Presidente do Conselho de Ministros italiano, Mario Draghi, visando um "cessar-fogo imediato e o regresso às conversações" devido ao conflito na Ucrânia.

João Lourenço conversou com ambos os dirigentes em momentos diferentes e o diálogo, como refere uma nota da Secretaria de Imprensa do Presidente angolano.

As conversas decorreram em ambiente de "bastante cordialidade e visaram conseguir-se um cessar-fogo imediato".

Tiveram também como propósito "o regresso à mesa das conversações para a busca de uma paz duradoura não apenas para a Ucrânia mas também para a Europa".

 

Rate this item
(1 Vote)