Quinta, 27 de Janeiro de 2022
Follow Us

Sexta, 15 Novembro 2013 16:37

Frelimo recorre a curandeiros para vencer em Chimoio

A Frelimo, partido no poder em Moçambique, pediu "um trabalho" a curandeiros para vencer as eleições de 20 de novembro em Chimoio, centro do país, disse hoje à Lusa um médico tradicional.

"Fizemos um trabalho na quinta-feira para a Frelimo e seu candidato saírem vitoriosos nas eleições do dia 20 de novembro. O tratamento foi feito a pedido do partido e consideramos haver chances de saírem com vitória", disse à Lusa Adelino Mutata, presidente da Associação de Médicos Tradicionais de Moçambique (AMETRAMO).

Mujtata adiantou que a Frente de Libertação de Moçambique (Frelimo) pediu a "renovação de mandato" na autarquia, para terminar as atividades que desenvolveu nos últimos cinco anos de governação, tendo os resultados, na "sessão de previsão dos adivinhos" favorecido o partido e o seu candidato.

"Já não podemos fazer o mesmo trabalho para outro partido. Só se faz para a primeira pessoa que solicitar o nosso serviço", advertiu Adelino Mutata, para o caso de receber outra solicitação do Movimento Democrático de Moçambique (MDM), que também concorre ao município.

Raul Conde, da Frelimo, candidata-se à sua própria sucessão, pela Frelimo, na presidência do Município de Chimoio, a capital da província de Manica, em disputa com João Ferrão, do MDM, a terceira força parlamentar no país.

"Além do trabalho, o candidato e o partido também pediram votos aos membros da AMETRAMO e mostrámos a nossa abertura quanto à sua eleição", disse Adelino Mutata.

LUSA

Rate this item
(0 votes)

Log in or Sign up