Sexta, 09 de Dezembro de 2022
Follow Us

Segunda, 09 Mai 2022 21:45

Governo angolano repudia vandalismo após derrota do Petro de Luanda

Ministério da Juventude e Desportos angolano disse que os adeptos arrancaram e arremessaram cadeiras para o relvado, garrafas e outros objetos contundentes, na sequência da derrota com o Wydad.

O governo angolano repudiou hoje os incidentes no estádio 11 de Novembro, após a derrota do Petro de Luanda com o Wydad (3-1), na primeira mão das meias-finais da Liga dos Campeões africanos de futebol.

O Ministério da Juventude e Desportos angolano disse que os adeptos arrancaram e arremessaram cadeiras para o relvado, garrafas e outros objetos contundentes.

“Assistimos com perplexidade e bastante preocupação ao comportamento pouco digno de alguns adeptos, que durante o jogo arrancaram bancos, arremessaram garrafas e vários objetos em direção ao recinto de jogo, marcaram pela negativa a organização da partida e, consequentemente, a imagem do país, isto numa altura em que a realização de jogos da maior prova de clubes da Confederação Africana de Futebol (CAF), em estádios angolanos, coloca Angola no centro das atenções dos amantes do desporto, em particular do futebol, no continente”, lê-se numa nota.

O organismo ministerial disse aguardar uma eventual sanção da Confederação Africana de Futebol ao emblema angolano, na sequência dos atos de vandalismo praticados pelos adeptos.

Rate this item
(1 Vote)