Sábado, 25 de Setembro de 2021
Follow Us

Terça, 13 Julho 2021 19:14

“A formação de bons engenheiros depende da qualidade e excelência do professor” - Bornito de Sousa

O Vice-Presidente da República, Bornito de Sousa, considerou esta terça-feira, em Luanda, que “a formação de bons engenheiros depende também da qualidade e excelência do professor”.

O intervir no primeiro encontro nacional sobre o ensino da Engenharia em Angola, o Vice-Presidente da República disse que Angola é um país abençoado por inúmeros recursos e com uma população jovem, que tem grande necessidade e potencial para a formação e desenvolvimento das engenharias.

"Durante a recente visita do Presidente da República à província do Cunene, pudemos todos confirmar, e com muito orgulho, a presença de técnicos angolanos, alguns dos quais engenheiros, nas obras construção de infraestruturas hidráulicas para enfrentar a seca na região sul do país”, indicou.

Na visão de Bornito de Sousa, esta "nos parece ser uma boa ocasião para assinalar a participação de dezenas ou até centenas de engenheiros angolanos, muitos deles ainda muito jovens mas bem preparados, nas grandes obras em curso no nosso país”.

"Temos necessidade de formar o professor 4.0 e criar a escola 4.0, para formar as crianças de hoje, engenheiros do futuro, que nascem já com os olhos abertos, fazem uso de gadget nos primeiros anos de idade e são quem vai fazer acontecer a Angola de 2050 e da 4ª Revolução Industrial”, defendeu o Vice-Presidente da República.

Objectivos do certame

O primeiro encontro nacional sobre o ensino da Engenharia em Angola é uma iniciativa do Ministério do Ensino Superior, Ciência e Tecnologia de Inovação que decorre hoje e amanhã.

A organização pretende com este encontro, a criação de um espaço de reflexão e de debate sobre as características do ensino da engenharia no país, para se encontrarem alternativas, soluções e medidas nesta área do saber.

Rate this item
(0 votes)

Log in or Sign up