Sábado, 25 de Mai de 2024
Follow Us

A operação aritmética feita pelo Novo Jornal é irrepreensível: da despesa de 322 500 000,00 (Trezentos e vinte e três milhões e quinhentos mil euros), autorizada através do Despacho Presidencial n.º 111/24, de 17 de Maio, para a aquisição de 600 autocarros, resulta, efectivamente, que cada unidade custaria ao cofre público mais de meio milhão de euros.

Não há espaço em Angola para mais nenhum terceiro mandato pretendido pelo senhor feudal dona das terras angolanas. O terceiro mandato terá em breve a data definitiva do seu enterro. A sociedade civil e as oposições, juntos enterrarão o terceiro mandato para todo sempre, de contrário, as ruas do país que nos viu nascer esperam-nos a todos.

Página 1 de 861