Segunda, 25 de Outubro de 2021
Follow Us

Sexta, 24 Setembro 2021 11:15

MEA barra convite do Ministério do Ensino Superior para a abertura do ano académico no Bié

O Movimento de de Estudantes Angolanos (MEA), negou o convite formulado pelo Ministério do Ensino Superior, pedindo um membro daquela organização para participar na Província do Bié, do acto de abertura do ano académico 2021/22.

O convite, foi negado pelos membros do MEA, nesta quarta-feira, 22 de Setembro, durante uma reunião entre as partes.

O Movimento de Estudantes Angolanos, considera que o convite do Ministério em referência, visa distrair essencialmente as pessoas daquela organização juvenil, numa altura em que têm agendadas para Setembro e Outubro, uma onda de manifestações contra o autorizado aumento do preço das propinas e outros emolumentos.

Assim, no sentido de distrair as atenções, diz o MEA, a intenção é que um representante vá junto com a delegação da Ministra Maria do Rosário Bragança para a Província do Bié, onde estão igualmente os estudantes a passar pela mesma situação e que nada tem lá de especial.

"Numa fase destas em que os estudantes estão aflitos, nós não vamos aceitar nenhum convite para beber ou comer, pior ainda sair de Luanda e gastar muito dinheiro numa brincadeira desta. Os estudantes estão a sofrer", considera.

Fica assim determinado que, nenhum membro do Movimento de Estudantes Angolanos, vai para a Província do Bié, na caravana do Ministério do Ensino Superior "e seus coniventes".

"Louvo a bravura da líder Esperança Veigas, Milena Neblina, Mana Lurdes, Africana, Wanessa, Job Luís e demais membros. Está negado e nós vamos ao Ministério das Finanças e não na Província do Bié", declarou, assegurando a intenção de a partir deste sábado darem início às anunciadas manifestações.

De recordar que, o Movimento de Estudantes Angolanos (MEA), anunciou que vai tomar as ruas do país para se manifestar contra a subida do preço das propinas nas universidades e institutos privados, com um aumento estimado em cerca de 15%, segundo a autorização do Executivo.

De acordo com uma nota informativa do MEA que Angola24Horas teve acesso, as manifestações iniciais terão lugar nos dias 25 e 26 de Setembro corrente, cuja concentração será no Largo do Cemitério da Santa Ana, nas primeiras horas do dia, com destino ao Ministério das Finanças de Angola (MINFIN), a partir das 13 horas.

Rate this item
(0 votes)

Log in or Sign up