Terça, 01 de Dezembro de 2020
Follow Us

Sexta, 16 Outubro 2020 13:58

Polícia deteve homem que matou a mulher por gastar 3.000 kwanzas sem permissão

A Polícia angolana deteve, na província da Huíla, um homem que admitiu ter matado a sua segunda mulher, por esta supostamente ter gasto 3.000 kwanzas (3,9 euros) sem o seu consentimento.

Segundo o porta-voz em exercício da Polícia Nacional na Huíla, Fernando Tongo, o homicídio ocorreu no dia 03 deste mês, mas o suspeito, de 55 anos, foi detido apenas na quarta-feira.

Fernando Tongo, citado pela agência noticiosa angolana Angop, explicou que, durante o interrogatório, o homem admitiu que matou a mulher à paulada, durante uma discussão, e que terá contado com a ajuda da primeira mulher para ocultar o cadáver.

Segundo o porta-voz da polícia, o cadáver foi encontrado junto a uma vala próximo da residência do casal, situada no bairro da Eywa, município do Lubango, capital da Huíla.

Rate this item
(0 votes)

Log in or Sign up