Quarta, 28 de Setembro de 2022
Follow Us
Rate this item
(1 Vote)

O Presidente do MPLA João Lourenço, deverá agora impor maior rigor na vigilância necessária para que pessoas bem colocadas não se atrevam a perseguir militantes e figuras importantes da sociedade civil angolana, sob o pretexto de não terem votado como eles desejavam que fosse, defendeu António Venâncio, militante do MPLA.

Rate this item
(0 votes)

Duas organizações angolanas de defesa dos direitos humanos repudiaram hoje as “perseguições e detenções arbitrárias” da polícia nacional a ativistas em Angola e apelaram ao Presidente João Lourenço para que ponha cobro aos abusos.

Página 3 de 2330