Segunda, 17 de Mai de 2021
Follow Us

Domingo, 31 Janeiro 2021 15:46

Porque razão, João Lourenço, está a desprezar e ignora as forças castrenses em Angola?

Como suposto, verdadeiro comandante em chefe das Forças Armadas Angolanas FAA, o aprendiz ditador Angolano, João Manuel Gonçalves Lourenço, (JLO) nunca deveria haver ignorado, ou simplesmente passado de lado, da morte do general, Demosthenes Amós Chilingutila, falecido recentemente na Cidade do Huambo, por doença, ali em Angola.

Esta atitude verdadeiramente musculada prenhe de inusual trungunguisse, demonstra de maneira clara "cristalina como água," não apenas a promoção das habituais divisões, a divisa da governação de JLO, mas sobre tudo uma atitude desavisada/infantil, do ditador do problema Angolano, que representa um autêntico e brutal desprezo, eu diria total e completo, para com todas as forças Castrenses em Angola.

De resto, JLO, só  e só  perdeu o Norte em Angola, como todos sabem, em virtude de haver adoptado repito as divisões, que começam na sua própria família, que o diga, a sua própria irmã, a diplomata de carreira, D. Edith do Sacramento Gonçalves Lourenço Catraio,  (ESLC) que trouxe recentemente em Asta pública, o famoso/mediático artigo, ( tio Mimoso),onde veio a denunciar aos Angolanos, a África e ao resto do mundo,  sobre a inusual e brutal incompetência, ou a trungunguisse, do  seu irmão presidente, assim como as habituais sanzalisses, da sua cunhada, Ana Dias Lourenço, a quem ESLC, acusaria, de ser a verdadeira presidenta de Angola, e não  seu irmão JLO, de cujo o palácio  presidencial, Cidade Alta, por coincidência, repousa ali no Bairro do Casuno, em Luanda, agora transformado, em autêntico Casuno, dos marimbondos em Angola, encabeçados pelo marimbondo # um que se chama JLO.

Para completar, como todos sabem, o aprendiz ditador JLO, transformou o seu próprio partido MPLA, como um autêntico/verdadeiro, manto de trapos, muito pior do que a destruição de uma casa dos salalés, que como sabem sempre e quando que ela, a casa dos salalés, se destrói, nem mesmo os próprios salalés, a reergueriam igual a primeira.

De resto, se eu não tiver razão, como explicar que o ex-presidente, José Eduardo dos Santos (JES), supostamente o presidente emérito dos do MPLA, haja simplesmente sido obrigado, a meter-se em fuga, pelas Europas, de cujo o asilo forçado, hoje se está a completar em Dubai, ao lado da sua filha viúva Isabel dos Santos, se JLO afinal não dividiu ou metamorfoseou os do MPLA, para JLO melhor os dominar?

Logo, foi aqui que JLO, cavaria aquilo que será a sua própria sepultura em Angola.

Porque?

Porque JLO, ao ignorar de maneira infantil e brutal, a situação complexa/difícil, em que mergulhou o seu partido MPLA, tendo em conta a habitual trungunguisse do general do eixo do mal Angolano, razão pela qual o nosso ditador, JLO, tem tido gritantes dificuldades, para fazer a necessária leitura, dos sinais dos tempos.

Logo, JES, só e só veio a Dubai, não apenas para consolar sua filha, Isabel dos Santos, que muito recentemente perdeu o seu esposo, Sindika Dokolo.

Porém, na verdade e na minha pobre opinião, o ex-presidente Santos, agora está ali nos Emirates, exatamente para relaxar, tranquilamente, com vista a recarregar as baterias, tendo em conta o aproximar do congresso dos MPLA, a ter lugar em dezembro próximo e que ditaria o nome do futuro candidato dos do MPLA, como cabeça de lista para as eleições gerais do ano que vem 2022.

Logo, pessoalmente gostaria de acreditar que no MPLA, não existem apenas estúpidos.

Tem de haver, pensantes no partido dos camaradas, que certamente cedo mostrariam o cartão vermelho, ao inocente ditador aprendiz, de JLO, no próximo congresso dos camaradas, a realizar-se em dezembro próximo, menos que JLO haja herdado os do MPLA e ou o MPLA, do falecido pai dele velho Cerqueira.

Porque, na verdade as acções de JLO, se comparadas com as actuações do general, Bento dos Santos Kangamba, eu pessoalmente passe a ironia, apostaria num Kangamba, que se calhar escuta algum assessor seu, do que apostar em um autêntico casmurro do tipo de JLO

Sei, que muitos dos compatriotas, que vão certamente disfrutar deste lindo artigo de opinião, certamente vocês que estão em um café, bar, restaurante, em casa no sofá, etc. lendo este longa metragem, vocês estariam morrendo risas etc., porém o dito acima, é a pura e triste realidade, de facto repito, a distância entre JLO e Kangamba é apenas de centímetros e nunca de Quilômetros.

De facto até mesmo nós aqui nos EUA, um país do primeiríssimo mundo, que vivemos os últimos quatro anos praticamente de uma desgraça nacional, provocada pela atipicidade política, do presidente Trump, porém os Líderes do GOP, Grand Old party, ou Partido Republicano, em nome do prestigio, do bom nome das instituições da América, ou em nome da Protecção e honra aos ex-presidentes dos EUA, nunca por nunca o presidente Trump foi desprezado pelos seus colegas do partido.

Contrariamente, em Angola, um país do terceiro mundo, de cujo o presidente da República, é verdadeiramente impreparado, despido do sentido comum, JLO, toca a dividir primeiro a sua própria família, logo o seu próprio partido, agora para completar JLO, dividiu as forças Castrenses, que eram supostas serem verdadeiramente apartidárias.

Agora, na verdade é o próprio JLO, que está a dizer-nos através dos sinais destas divisões de que os generais, sargentos, soldados, praças etc., que devem ser respeitados inclusivamente, quando morrem, só os

que tem os cartões dos caps dos do MPLA, razão pela qual, a morte do patriota general, Chilingutila, está verdadeiramente sendo ignorada, pelo suposto comandante em chefe, de todas as forças armadas Angolanas, FAA, que nos demonstra inequivocamente, que afinal JLO, é apenas presidente, dos do MPLA, e não presidente de todos os Angolanos.

Que Deus abençoe Angola e todos os filhos e filhas de Angola

Por Orlando Fonseca

Miami Sul da Flórida / USA

Rate this item
(1 Vote)

Log in or Sign up