Quinta, 27 de Janeiro de 2022
Follow Us

Empresário investiu 80 milhões em Portugal no espaço de cinco meses, o que o torna num dos maiores investidores angolanos no país, após ter comprado a maioria do capital da construtora Soares da Costa.

O FMI diz que o grupo de trabalho encarregado de encontrar 3,14 biliões Kz nas contas orçamentais entre 2007 e 2010 já apurou 95% do montante, ou seja, faltam 150 mil milhões Kz ou 1,5 mil milhões USD.

O ex-primeiro-ministro da I República e ex-deputado do MPLA, Lopo do Nascimento, considerou em Luanda que o país não conta com um sector privado como se diz. Lopo do Nascimento fez esta afirmação quando intervinha no workshop ’Agenda de Desenvolvimento de Infra-estruturas de Angola: como o Banco Africano de Desenvolvimento pode ser determinante na transformação de Angola’, evento co-organizado pelo BAD com o apoio do Ministério das Finanças.

O Fundo Monetário Internacional (FMI) está satisfeito com a capacidade de crescimento de Angola, mas revela “preocupação” com o défice orçamental – que atingiu 1,5% do PIB no ano passado e deve subir para 4,8% este ano, com os investimentos públicos previstos em infra-estruturas.

O presidente executivo da Portugal Telecom (PT), Henrique Granadeiro, classificou como «positivo» o facto de a participada angolana Unitel ter reconhecido a dívida à operadora e que irá pagar os dividendos à empresa.

Unitel disse que não pagava dividendos à PT devido a "irregularidades". Accionistas reúnem dentro de uma hora para votar fusão com Oi.

A Unitel recusa pagar perto de 250 milhões de euros em dividendos à PT. E diz ter direito de preferência sobre acções que PT tem na Unitel em caso de processos de venda ou fusão.

Página 381 de 387

Log in or Sign up