Sexta, 09 de Dezembro de 2022
Follow Us

Quarta, 11 Mai 2022 13:27

Global Evolution elogia liberalização do mercado cambial angolano e sugere reduzir taxa de inflação

O economista sénior da Global Evolution elogiou hoje, em Luanda, as reformas económicas realizadas pelo Governo de Angola, com destaque para a liberalização do mercado cambial, mas defendeu que é também importante a redução da taxa de inflação.

Stephen Bailey-Smith integra a comitiva de potenciais investidores não residentes que se deslocou a Angola, a convite do Standard Bank, num ‘roadshow’ para a compreensão da dinâmica do mercado angolano.

Num encontro com órgãos de comunicação social, o economista sénior da Global Evolution, empresa gestora de investimentos, fundada em 2007, especialista em mercados emergentes, considerou que a mudança da política monetária “é importante, mas é ainda mais importante se continuar a manter estas reformas quando o preço do petróleo também baixar”.

“Acho que a liberalização do mercado cambial é muito importante para o desenvolvimento da economia e a redução também da taxa de inflação para um dígito é igualmente importante”, referiu.

O economista sénior da Global Evolution salientou que nos encontros realizados, na terça-feira, com os governantes angolanos, sobretudo com o governador do Banco Nacional de Angola, “a mensagem foi um compromisso em estabilizar o mercado cambial e a inflação”.

“E as reformas que o Governo tem feito poderão ajudar a estabilizar”, afirmou o economista sénior da Global Evolution, que gere um fundo de cerca de 15 mil milhões de dólares (13,5 mil milhões de euros).

Segundo Stephen Baileiy-Smith, Angola tem um peso “mais do que significativo” para alocação neste fundo.

“É o meu regresso a Angola sete anos depois, o fundo que represento tem já alguma experiência em transacionar com o mercado angolano, há mais de dez anos e é regra visitar os países antes de proceder aos investimentos”, sublinhou.

De acordo com o economista sénior, Angola passou por um processo de transição nos últimos anos, que coloca o país numa posição melhor que no passado e neste momento, tem tido suporte do preço do petróleo.

“E depois do programa do Fundo Monetário Internacional, acho que a economia angolana vai precisar de investidores como nós para podermos suportar este desenvolvimento e os fundos, incluindo o meu, querem assistir e ajudar o Governo nesse sentido”, indicou.

“Nós temos investido em Eurobonds por muitos anos e temos tido algum interesse em investir em obrigações de tesouro locais, estamos muito ansiosos de ter agora a oportunidade de transacionar neste mercado local”, acrescentou.

Stephen Baileiy-Smith é de opinião que Angola “vai ser um dos maiores mercados de valores mobiliários, investimentos e obrigações” nos próximos tempos, sublinhando que o fundo está apenas interessado em instrumentos da dívida pública transacionados no mercado.

A Global Evolution é conhecida pela sua abordagem inovadora ao investimento em mercados emergentes e fronteira, sendo atualmente uma das mais reconhecidas especialistas e pioneiras neste segmento de mercado.

Rate this item
(0 votes)