Quinta, 07 de Julho de 2022
Follow Us

Quarta, 10 Março 2021 11:25

Investimento de Angola no estrangeiro atinge 2,2 mil milhões de dólares

O investimento directo líquido de Angola no estrangeiro registou um valor de 2, 2 mil milhões de dólares no segundo trimestre de 2020, contra 413,8 milhões do trimestre precedente.

Segundo o relatório do Banco Nacional de Angola (BNA), este resultado deveu-se pelo aumento significativo da recuperação dos investimentos do sector Petrolífero (cost oil), apesar da redução da entrada de novos investimentos.

Os dados asseguram que os fluxos do investimento directo estrangeiro que ingressaram ao país foram maioritariamente do sector Petrolífero, representando cerca de 96 por cento do valor total.

Do lado das saídas, a nota de realce vai para a recuperação das despesas dos investimentos petrolíferos, ao atingir 3,1 mil milhões, contra 2 mil milhões de dólares do trimestre anterior.

Quanto aos principais países de origem do investimento directo estrangeiro, para o sector Petrolífero, destacam-se os Estados Unidos da América (EUA), França, Reino Unido, China, Itália e Noruega. Para o sector não petrolífero, os principais países investidores foram os EUA, África do Sul, Espanha, Rússia e a Alemanha.

Por outro lado, o saldo do investimento de carteira registou um agravamento do seu défice, ao passar de 2,7 milhões de dólares no primeiro trimestre, para 1,3 mil milhões no período em análise, devido a uma desmobilização de activos aplicados neste instrumento financeiro.

O saldo do outro investimento registou um défice de 613,2 milhões de dólares, contra um superavit de 1milhão de dólar. Este comportamento, segundo o relatório, foi influenciado, pela redução dos depósitos no exterior e dos créditos comerciais concedidos a empresas não residentes.

Posição do investimento

A posição líquida do investimento internacional registou um saldo deficitário de 33.5 mil milhões de dólares, contra 32,6 mil milhões do primeiro trimestre de 2020, devido a redução dos activos financeiros numa magnitude superior à redução dos passivos.

Das categorias que compõem os activos financeiros do país, três das quais apresentaram reduções, nomeadamente, o investimento de carteira, os activos de reserva e o outro investimento.

O outro investimento representou 51,2 por cento do total dos activos, seguido dos activos de reserva ou reservas internacionais com 37,5 por cento. No que toca à composição do outro investimento, o instrumento financeiro moedas e depósitos representa 69,8 por cento do seu valor total.

O stock do investimento angolano no exterior foi de 3,1 mil milhões de dólares, investidos maioritariamente em Singapura, Portugal e nas Ilhas Maurícias, de Man e de São Tomé e Príncipe. JA

Rate this item
(0 votes)