Segunda, 04 de Março de 2024
Follow Us

Terça, 16 Mai 2023 16:02

Administração tem residências para acomodar famílias do Lote 1 do Prenda

Quarenta e uma residências estão disponíveis para acomodar igual número de famílias que abandonaram, devido ao risco de desabamento, em Abril último, o edifício Lote 1 do Prenda, distrito da Maianga, dependendo apenas da decisão dos lesados.

O anúncio foi feito esta terça-feira, em Luanda, pela administradora-adjunta do município de Luanda para área política e social, Alcrézia Cavala, que confirmou a existência das residências, sem dizer onde, e existem contactos com as famílias, sendo a data de entrega estar dependente das mesmas.

Em declarações à imprensa, disse ser uma solução pontual, pois ainda não há uma solução definitiva sobre a situação do prédio em causa.

O imóvel de cinco andares, existente há mais de 50 anos, foi evacuado no final da tarde do dia 22 do mês passado, pelas autoridades depois de se terem registado vibrações na sua estrutura.

 

Alcrézia Cavala adiantou que a administração não tem um programa de habitação social, por essa razão, a solução é emergencial e provisória.

"Não sabemos ainda qual é a solução tomada para o prédio do Lote 1 do Prenda, enquanto isso criamos essa solução", referiu.

Neste momento, os moradores contam com a solidariedade de familiares e amigos para se abrigarem, até a situação ficar resolvida.

Além dos moradores do prédio, algumas casas no raio próximo ao Lote 1, foram igualmente informadas para abandonar o local neste momento, enquanto a situação se mantém.

Esta é a segunda situação de desalojamento de famílias em edifícios da era colonial em Luanda, só este ano.

A primeira ocorreu num prédio de seis andares na Avenida Comandante Valódia, que desabou, sem causar vítimas.

Rate this item
(0 votes)