Sábado, 26 de Novembro de 2022
Follow Us

Quinta, 01 Setembro 2022 15:00

Casa Branca felicita os angolanos por terem feito ouvir a sua voz nas eleições

Os Estados Unidos voltam a felicitar os angolanos por terem feito valer a sua voz nas eleições gerais do passao dia 24 de Agosto e reiteram apoiar o processo democrático no país.

Na conferência de imprensa diária, nesta quarta-feira, 31, instada a pronunciar-se sobre as eleições em Angola, a secretária de imprensa da Casa Branca disse ser “um momento importante para as pessoas que continuamos a observar”.

Karine Jean-Pierre sublinhou que Estados Unidos apoiam o processo democrático no país “através dos nossos programas contínuos de democracia e governança” e acrescentou que “vemos uma parceria com Angola, vamos continuar a trabalhar com eles de perto, quem quer que o povo eleja para aprofundar a nossa cooperação e prioridade partilhada, por isso vamos continuar a fazê-lo”.

A secretária de imprensa sublinhou que os Estados Unidos apoiam as democracias em todo o mundo, “com investimento económico, programas de saúde anível global, segurança e saúde pública e metas de energia do motor climático para criar um futuro melhor”, concluiu Jean-Pierre.

Mais apoios

Um dia depois das eleições gerais, o gabinete do porta-voz do Departamento de Estado americano, em Washington, saudou as eleições em Angola e destacou a importância do processo na afirmação da democracia.

"Estamos ansiosos para trabalhar juntos no caminho para uma governação transparente e democrática e por uma Angola mais segura, com mais segurança e próspera para todos", afirmou a nota do gabinete de Ned Price depois de reiterar "esperar que os resultados reflitam a voz de todos os angolanos".

Price acrescenta que os Estados Unidos continuam "a trabalhar para fortalecer as democracias e promover o respeito pelos direitos humanos em Angola e em todo o mundo" e esperam que, independentemente do resultado, "a parte vencedora dê oportunidade às diversas perspectivas de serem ouvidas, a fim de desenvolver um futuro seguro, próspero e saudável para todos os angolanos". VOA

Rate this item
(1 Vote)