Sábado, 20 de Agosto de 2022
Follow Us

Terça, 28 Junho 2022 20:39

João Lourenço envia ministro a Barcelona devido ao agravamento do estado de saúde de JES

Devido ao agravamento do estado de saúde de José Eduardo dos Santos, João Lourenço decidiu enviar para Barcelona o ministro das Relações Exteriores de Angola. O quadro clínico do antigo Presidente angolano piorou seriamente nas últimas 24 horas, confirmou ao Observador uma fonte próxima do antigo núcleo duro do ex-Presidente de Angola.

Téte António parte às primeiras horas desta quarta-feira para a capital catalã, informou o Observador fonte da delegação oficial do Presidente angolano que está em Lisboa para a conferência dos Oceanos.

Há vários meses internado na clínica Teckon, em Barcelona, o antigo Presidente de Angola tinha sido induzido em coma e na manhã desta terça-feira os médicos tentaram despertá-lo, sem sucesso, avançou o Jornal de Negócios ao final da tarde. Assim sendo, José Eduardo dos Santos, continuará em coma e, segundo o mesmo jornal, terá tido três paragens cardíacas. Porém, o seu coração estará a funcionar sem a ajuda de qualquer máquina.

Segundo o Expresso, uma tomografia realizada na segunda-feira revelou graves lesões isquémicas no cérebro.

Questionado pelos jornalistas sobre o antigo estadista angolano, no final da reunião do Conselho de Estado, Marcelo Rebelo de Sousa disse não ter informações e não querer comentar. No entanto, acabou por dizer: “Até por respeito pela situação em que se encontra, todos os comentários que possam ser feitos são os que se fazem nessas circunstâncias: até ao fim acreditar que é possível desejar melhoras e desejar o melhor”.

José Eduardo dos Santos terá sido internado pouco depois de chegar a Barcelona vindo de Angola, em março. Fonte ligada ao ex-Presidente recorda um homem muito débil a embarcar no avião.

Há várias versões sobre as razões que o levaram a ser hospitalizado. Algumas fontes angolanas referiram ao Observador que se tratou de um quadro de Covid-19, enquanto uma outra fonte refere uma queda em casa e a ocorrência de três Acidentes Vasculares Cerebrais (AVC). O Jornal de Negócios diz que o anterior Chefe de Estado angolano caiu em casa e esteve quinze minutos sem que alguém o encontrasse, pelo que nesse período terá tido pouco oxigénio.

O Observador sabe que José Eduardo dos Santos está internado numa ala particularmente privada da clínica oncológica sob medidas de alta segurança e que os filhos foram chamados a ver o pai antes de este perder a consciência.

Isabel dos Santos e Coreón Dú (nome artístico de José Paulino dos Santos) foram vistos a entrar na clínica na sexta-feira passada. Fontes angolanas garantem que Joseane Lemos também o visitou. Menos certa terá sido a presença de Tchizé dos Santos, que se terá desentendido com a mulher do pai, Ana Paula dos Santos (Tchizé, tal como Coréon Dú, é filha de “Milucha”, Maria Luísa Abrantes).

A antiga deputada do MPLA tem sido a voz polémica deste processo. Ainda no sábado negou que o pai tivesse tido qualquer AVC, ataque ao coração e cancro da próstata e criticou João Lourenço, por ter ligado a Ana Paula dos Santos. Desde que José Eduardo dos Santos deixou a presidência de Angola, em 2017, que a ex-primeira dama se tinha afastado do marido, mas viajou para Barcelona para cuidar dele a pedido dos filhos.

Segundo a VOA (Voice of America) Tchizé usou uma série de áudios divulgados numa rede social, para se insurgir contra o telefonema solidário do Presidente de Angola a Ana Paula dos Santos.

“Porque é que JLO [João Lourenço] não ligou para Isabel dos Santos que está no hospital ao lado do paciente ao invés da Ana Paula dos Santos que até abandonou o marido?” Observador

Rate this item
(0 votes)