Quarta, 06 de Julho de 2022
Follow Us

Quinta, 05 Mai 2022 15:52

EUA e Angola discutem reformas económicas e iniciativas anticorrupção

A vice-secretária de Estado norte-americana Wendy Sherman reuniu-se hoje com o Presidente angolano, João Lourenço, em Luanda, onde discutiram o aprofundamento das relações bilaterais, assim como a promoção de reformas económicas e iniciativas anticorrupção.

Em comunicado, o porta-voz do Departamento de Estado norte-americano, Ned Price, informou que também foi abordado o trabalho conjunto entre os dois países para enfrentar a pandemia de covid-19 e a crise climática, assim como o reforço do investimento privados dos Estados Unidos da América (EUA) no país africano.

"A vice-secretária Sherman e o Presidente Lourenço discutiram o aprofundamento do nosso forte relacionamento bilateral e a importância de reforçar o comércio e o investimento privado dos EUA e promover o progresso nas reformas económicas e iniciativas anticorrupção", aponta a nota.

Os líderes "abordaram o trabalho em conjunto para enfrentar a pandemia de covid-19 e enfrentar a crise climática” e “a vice-secretária e o Presidente também discutiram oportunidades de cooperação ampliada em segurança regional e cooperação entre nações do Atlântico em desafios e oportunidades marítimas compartilhadas na bacia do Atlântico", concluiu Ned Price.

Além de João Lourenço, a vice-secretária reuniu-se ainda com o ministro angolano dos Negócios Estrangeiros, Téte António, em Luanda.

No encontro foram discutidas áreas de interesse comum, incluindo o fortalecimento dos laços interpessoais, assim como questões de segurança regional e global, segundo Ned Price.

Para o chefe da diplomacia angolana, o encontro com Wendy Sherman constitui "uma boa oportunidade para, em conjunto, se analisar o estado atual da cooperação bilateral, avaliar os resultados já alcançados e identificar eventuais problemas para a superação de possíveis constrangimentos que possam dificultar o evoluir harmonioso dessas relações".

Em comunicado, Téte António avaliou ainda que a visita da governante norte-americana acontece num "momento particular das boas relações político-diplomáticas entre os dois países" e revela "a existência de um interesse recíproco ao mais alto nível".

Na sexta-feira, Wendy Sherman fará um balanço da sua visita a África, que inclui passagens por África do Sul, Angola e Gabão.

As reuniões da vice-secretária centraram-se em questões bilaterais e regionais, incluindo o reforço da segurança sanitária, a promoção do comércio e o investimento entre África e os Estados Unidos, o reforço da segurança global e regional e a resolução da crise climática.

Rate this item
(0 votes)