Segunda, 17 de Mai de 2021
Follow Us

Domingo, 28 Março 2021 09:39

Presidente guineense exorta juventude a rejeitar "líderes velhos” para o país

O Presidente da Guiné-Bissau, Umaro Sissoco Embaló, exortou hoje os jovens do país a rejeitarem "líderes velhos" e desafiou-os a assumirem responsabilidades para promoverem a mudança.

Umaro Sissoco Embaló falava na abertura solene, enquanto convidado de honra, da primeira Academia Política e Ideológica Kumba Yalá, organizada pela Juventude do Partido da Renovação Social (PRS), em memória do falecido ex-presidente guineense e fundador do partido.

Assumindo-se como "adepto do estilo político" de Kumba Yalá, de quem disse ter copiado a forma de fazer campanha política, Sissoco Embaló desafiou os jovens do PRS "a não aceitarem líderes velhos, mesmo para o país".

"Fui eleito democraticamente como o mais novo Presidente da Guiné-Bissau, daqui para a frente, quem vier substituir-me um dia, que seja ainda mais novo, se não for assim, não aceitem", observou Embaló.

O chefe de Estado tinha 47 anos quando assumiu a presidência da Guiné-Bissau, no ano passado, e hoje disse esperar que o próximo Presidente do país tenha menos de 40 anos.

Umaro Sissoco Embaló exortou os jovens guineenses a assumirem responsabilidades porque, disse, o futuro pertence-lhes e citou o exemplo da França, "uma das potências mundiais", que elegeu um líder jovem.

"O Presidente da França trata-me por irmão mais velho", notou Sissoco Embaló.

A primeira Academia Política e Ideológica Kumba Yalá trouxe a Bissau três dirigentes da Juventude Social Democrata (JSD), de Portugal, entre os quais, o líder da estrutura, Alexandre Poço, que no seu discurso aproveitou para congratular, entre outros, Umaro Sissoco Embaló, que afirmou, recentemente, que "o lugar das meninas da Guiné-Bissau é na escola".

Alexandre Poço destacou o posicionamento de Sissoco Embaló ao condenar o casamento forçado e a mutilação genital a que ainda muitas meninas e mulheres são sujeitas na Guiné-Bissau.

De acordo com Ufé Vieira, presidente da comissão organizadora, a primeira Academia Política e Ideológica da JPRS vai decorrer até 03 de abril, juntando 100 jovens do partido da Renovação Social para 33 horas de formação na localidade de Uaque, em Mansoa, a 60 quilómetros de Bissau.

Além da JSD, o encontro conta com a presença de uma delegação da juventude do Movimento para a Democracia (MpD) de Cabo Verde.

Rate this item
(1 Vote)

Log in or Sign up